Bolo de iogurte

Esta receita é do mais simples que há e os miúdos estão sempre a pedir para ajudarem a fazer!!!

 

bolo de iogurte

 

Faço-a vezes sem conta de tão simples que é!

Ingredientes:

  • 1 iogurte natural ou de aroma como preferirem;
  • 4 ovos
  • 3 medidas do copo de iogurte de farinha;
  • 3 medidas do copo de iogurte de açúcar;
  • 1 medida do copo de óleo
  • 1 colher de chá de fermento

 

Preparação:

Junta-se tudo na Bimby, 4min/vel 5, coloca-se numa forma untada e vai ao forno a 180º durante 40/45 minutos et voilá!

Nesta receita utilizei o que me sobrou do creme pasteleiro do mil folhas como recheio, ficou fantástico!!

 

IMG_1280[1]

Mil Folhas

Tinha mesmo de experimentar esta receita depois de ver tantos posts por ai espalhados!!!

mil folhas

 

A receita foi adaptada do blog da Luísa Alexandra  mas fiz a receita apenas com um placa de massa.

 

Ingredientes:

Creme de Pasteleiro

  • 500 gr. de Leite Meio-Gordo
  • 150 gr. de Açúcar
  • Casca de um Limão
  • 30 gr. de Farinha de Trigo
  • 30 gr. de Farinha Maizena
  • 4 Gemas de Ovo
  • 1 placa de Massa Folhada rectangular

Glacé para a cobertura:

  • 1 Clara de Ovo
  • 200 gr de Açúcar em pó
  • Sumo de Limão
  • 2 colheres de sopa de chocolate em pó.

Preparação:

Para o glacê:
Pulverize o açúcar necessário que deve ser feito com o copo da Bimby bem limpo e seco.
No copo da Bimby coloca-se as 200 gr. de açúcar, tapa-se e pulveriza-se 30 seg., vel. 5-7-10.
Retira-se e reserva-se.

 Para o oreme:
Pesa-se a farinha de trigo e a Farinha Maizena e transfere-se para outro recipiente.

Junta-se 100 gr. de leite e mistura-se bem com um garfo.
Adiciona-se as gemas e volta a misturar-se com o garfo até ficar bem unificado.

No copo da Bimby coloca-se 400 gr. de leite, os 150 gr. de açúcar e a casca de um limão.
Programa-se 12 min., temp. 90º, vel. colher inversa.
Retira-se a casca de limão e adiciona-se a mistura reservada de farinhas, leite e gemas, pelo bucal.
Programa-se 12 min., temp. 90º, vel. 2.

Deixa-se arrefecer o creme de pasteleiro caseiro por completo antes de o utilizar.

NOTA:
Como sobrou creme pasteleiro, porque esse fiz pela receita original, usei-o para rechear um bolo de iogurte normal, que porei a receita num outro post.

 

Desenrola-se a placa de massa folhada.
Corta-se em 3 e coloca-se num tabuleiro forrado com base de silicone.
Leva-se a forno pré-aquecido a 190º.

 

Para fazer o glacé bate-se a clara com uma vara de arames e vai-se juntando o açúcar em pó e gotas de sumo de limão.

Em seguida inicia-se a montagem do bolo propriamente dito:

Coloca-se a massa folhada com a base mais lisa para cima e coloca-se o creme pasteleiro. Repete-se a operação até fica uma placa no topo.

Aqui coloca-se então o glacé branco.

Para fazer o efeito chocolate utilize as duas colheres de chocolate em pó com duas claras que tenham sobrado e faça o desenho com um palito.

Confesso que esta parte precisa de ser treinada 🙂 de próximo experimento o lápis de pasteleiro da Vahiné!

No final o resultado foi tão bom! Mas tão bom!!!

Molotoff na Bimby

Tinha umas claras congeladas que resolvi aproveitar, assim saiu um belo de um pudim Molotoff, receita tirada daqui.

 

Pudim Molotof

 

Ingredientes

  • 8 claras
  • 9 colheres de sopa de açúcar
  • 3 colheres de sopa de caramelo líquido
  • 1 pitada de sal
  • Caramelo líquido q.b. para colocar por cima

Preparação

Untar uma forma abundantemente com margarina.

Pré aquecer o forno a 180º.

Colocar o açúcar no copo e pulverizar 15seg na velocidade 9. Reservar.

Colocar a borboleta no copo, as claras e o sal e programar 7min na velocidade 3 1/2.

Adicionar o açúcar reservado através do buraco da tampa e colocar mais 7 min na velocidade 3 1/2.

Juntar o caramelo líquido e programar mais 3 min na velocidade 3 1/2.

Deitar o preparado na forma e bater 3 vezes com a mesma numa superfície dura, para tirar os buracos das claras.

Levar ao forno durante 8min, passado o tempo desligar o forno mas deixar o molotoff lá dentro (sem abrir) durante mais 30min.

Passados os 30min desenformar e colocar num local sem correntes de ar.

 

Decorar com ovos moles pobres.